sábado, 21 de março de 2009

Grande dia de Ciência! Great day of science

Latitude: 59.41 South



Longitude: 44.03 West


















(Lula do Antárctico Galiteuthis glacialis; the Antarctic squid Galiteuthis glacialis)

Acabamos de terminar a estação chamada C3. Foram 2 dias excelentes a todos os níveis. Mesmo a trabalhar em turnos de 12 horas (6 da tarde até 6 da manhã), passo maior do tempo extra também no laboratório ou a correr o navio a tirar o máximo partido da viagem. Ao nível cientifico, foi excelente: começamos a perceber como este ano é consideravelmente diferente do ano passado, com camarão do Antárctico (Euphausia superba) estar em poucos números este ano (sabendo que nas àreas deveria haver muito devido aos pinguins que adoram camarão terem-se reproduzido muito bem nas ilhas próximas), termos finalmente recolhido amostras com espécies que ainda não tinham aparecido este ano nesta àrea geográfica e de ter encontrado espécies de uma beleza rara.
(Camarão do Antárctico Euphausia superba; Antarctic krill Euphausia superba)

Em relação ao último caso, foi interessante termos apanhado uma espécie de lula (mais correctamente deveria dizer pota) do Antárctico, Galiteuthis glacialis, que apesar de ser muito comum nas redes que estamos a usar, raramente encontramos uma viva e de boas condições. Foi fantástico aprender como ela se move e como respira. O seu corpo é praticamente transparente e nutricionalmente, possui pouca energia. Ou seja, quando encontro os bicos (ou mandíbulas) desta lula na dieta de predadores (albatrozes, pinguins ou focas), fico sempre a pensar que os albatrozes ou os pinguins as consume mais como aperitivo...



















(Gabi showing James the cranchiid squid Galiteuthis glacialis)


E porque será que esta estação se chama C3? Sim, o número 3 significa que é a estação 3 mas o que quererá dizer o "C"? Curioso... o "C" significa "condensed" de condensado. Esta estação tem inúmeras actividades cientificas que precisam de ser realizadas num determinado periodo de tempo limitado, daí concentrar...simples, não é? Tudo tem uma lógica...

Ao nível de diversão foi brilhante pois enquanto estavamos a colocar aparelhos na àgua, tivemos várias vezes, pinguins chinstrap como companheiros...maravilhoso foi mesmo ouvir eles a tentarem comunicar connosco e quando respondiamos eles aproximavam-se no navio...brilhante!
























Great two days of science!!!! We have just arrived at station C3. Even working 12 hours on and 12 hours off, we all spend time extra in the laboratory or running around the ship taking the best of the journey. It has been extremely busy. Scientifically speaking, it has been truely interesting: from the data from the acoustics (that assesses what exists in the water using sound), it shows that this year is considerably different from last year, with less Antarctic krill Euphausia superba in the water. Knowing that krill is a keystone species in the Antarctic marine food web (i.e. krill is important in the diet of numerous species of fish, squid, penguins, seals, albatrosses, whales,...), it is quite important to know what is going on. Even more interestingly, penguins breeding in nearby islands that feed on krill , had a good breeding success. So where did it come from? Therefore it is quite important to look into detail to the data collected and add other parameters (currents, water temperature,... ) to understand better the driving factors of the marine environment. Also found amazing squid species. Galiteuthis glacialis is a very common squid species in the diet of top predators (seals, penguins, whales, albatrosses), and usually only see its beaks in the diet samples, but today we caught a specimen in a very good condition. It was fascinating watching it moving across the water and seeing how beautiful it is.... more good days will come...I feel it!

6 comentários:

Lygia Maria Couceiro Braga disse...

Olá José,

Parece que começamos a receber as primeiras novidades científicas.
Interessantíssima essa lula de que nos fala.
Pelo seu relato, os dias começam a ser muito preenchidos. Trabalho não vai faltar. E novidades também não, espero.
Vou continuar atenta.
Bjs,

Lygia

Jose Xavier disse...

Obrigado Lygia!

Fico muito contente por gostar:)

Beijinhos

José

evometra disse...

Deve ser imposivel de expressar por palavras os resultados do vosso trabalho, mas consigo imaginar um pouco da emossão que sentem quando aparecem os primeiros resultados de tanto esforço, empenho e dedicação que julgo ser necessário para sair num barco em busca de perceber, entender e explicar um pouco deste mundo que nos rodeia.
Para além de uma profissão ou um trabalho acredito que vocês têm naquilo que fazem uma forma de estar e ser na vida.
Parabens, pela paixão e entrega e obrigada por ainda encontar tempo para partilhar isso com os restantes.
Fico aqui curiosa por saber mais.
Bejokas.

Jose Xavier disse...

Obrigado Evometra!!!!

José

Fatima disse...

Que curiosa esta lula. Transmite uma delicadeza incrível.
Continuação de boa viagem

Jorge Gonçalves disse...

Grande Zé,

Vamos acompanhar de perto mais uma expedição ao Polo Sul! E agora que estás ai virado ao contrário (como diz a minha filha)continua a dar-nos o prazer de ter em primeira mão as noticias de um grande cientista português em trânsito por essas paragens, aparentemente inóspitas!
Que tudo te corra de feição!!!
Abraço,
Jorge