segunda-feira, 19 de dezembro de 2016

Ciência na Antártida: a tua segurança conta / Science in the Antarctic: Safety always first!










A  vida de  cientista polar é muito interessante. Para podermos recolher as nossas amostras a bordo do navio James Clark Ross, há um grupo de preparativos para a expedição que não estão há vista de todos. É necessário conhecer o navio, saber como trabalhar em segurança e perceber as regras de trabalho a bordo. De facto,  esta preparação começa muito antes da expedição. Todos os cientistas, oficiais e tripulação têm que fazer um curso de segurança a bordo (chamado PST ou STCW 95), pois sem este não é possível trabalhar a bordo. 




Caso não tenhamos o curso, ou se o tiramos à mais de 5 anos, não poderemos estar a bordo do navio (nós tirámos os nossos nos últimos 2 anos). Nestes cursos aprendemos sobre a estrutura e funcionamento de diferentes tipos de navios, o que fazer em diferentes casos de emergência e todas as regras de segurança a bordo. Tivemos provas de natação, testaram se seriamos capazes de saltar de um navio em segurança (na prática damos um salto de uma plataforma de 3 a 5m para uma piscina, que honestamente parece bem mais alta quando estamos lá em cima!), ensinaram-nos a maneira correta de vestir e usar os fatos de sobrevivência e como abrir as jangadas de socorro. Aprendemos também como apagar incêndios e que extintores devemos usar em diferentes fogos (CO2, espuma ou água). Esta formação é essencial, treina-nos como reagir num caso de emergência e ajuda-nos a criar um espirito de camaradagem, pois em caso de acidente, não são os bombeiros que nos vêm socorrer, mas sim todos os que estão a bordo. Prestem atenção aos sinais de “SAÍDA DE EMERGÊNCIA” onde quer que estejam, seja na escola, no escritório ou em qualquer outro edifício.    





Assim, a primeira coisa que fizemos, quando chegamos ao navio, foi ter uma reunião de segurança com um dos oficiais (Richard) onde nos é explicado onde são os “Ponto de Encontro” em caso de emergência e onde estão os barcos/jangadas de emergência. Já fizemos dois exercício de emergência, onde se testaram os alarmes do navio, o tempo de reação dos tripulantes e algum do equipamento de socorro. Nestes exercícios aprendemos sempre imenso, são divertidos e são revistas todas as questões associadas à segurança do navio. A ciência é divertida e muito importante, mas temos que colocar a nossa saúde e segurança sempre em primeiro lugar!!! Amostras já começaram a ser recolhidas... mas isso fica para a nossa próxima conversa.



 Life of Antarctic scientist is truly interesting! As soon as we get onboard of the RRS James Clark Ross, there is a group of tasks to be carried out prior doing the science, that is generally overlooked. Primarily, it is essential to know the ship, how to work in safety and understanding the work practises. Truly speaking, this preparation starts well before we get onboard. All scientists, officials and crew have to take a Personal Survival Course (PST or STCW 95), as without it you are not allowed to work on the ship. We took ours recently. In this course you learn about the different types of ships, learn what to do in case of an emergency and all regulations onboard relate to health and safety. We did swimming tests, learned how to jump from heights (simulating jumping off board of a ship), how to correctly wear the survival suit and the rescuing boats. We also learn how to take out fires in a safety manner.  Do please pay attention to “EMERGENCY EXIT” in your school, office or any other building. Therefore, the first thing we do when we get onboard is to get familiarised with the ship, where our cabin is located, where is the nearest exist and where is our Muster point in case of emergencies. We already had 2 emergency drills since we arrived. We do enjoy them because we have a unique chance to meet everyone (and know other colleagues and crew better) while learning more about an issue to important to all of us.  Science is important and fun, but we always have to put health and safety first!!! Samples already started to be collected....but that´s for our next chat!

Jose Seco & Jose Xavier


 



1 comentário:

Mia Gomez disse...

We give an expert support of your Us esta application. You will have the capacity to apply for your full ESTA application through our site which will be examined by our expert group to expand your odds of being acknowledged into the USA.