quinta-feira, 7 de janeiro de 2010

O que fazem os pinguins no Natal| What penguins do in Christmas?

A escrever a partir de Coimbra
Writing from Coimbra (Portugal)















(Pinguins rei na Geórgia do Sul| King penguins at South Georgia)


O que fazem os pinguins no Natal? Essa foi a grande questão por resolver nesta semana no Museu da Ciência da Universidade de Coimbra, entre 22 e 31 de Dezembro, onde respondi às perguntas dos mais jovens sobre a fauna, o impacto do aquecimento global e também explicar os detalhes das últimas expedições.

O Pólo Sul é um continente maior do que a Europa, está coberto de gelo e só agora os cientistas, graças às novas tecnologias, estão a conseguir desvendar os seus segredos mais profundos. A Antárctida está a despertar cada vez mais o interesse da comunidade científica mundial, sobretudo por ser uma das principais vítimas do aquecimento global. A Antárctida é uma região única no planeta. A grande maioria da vida depende do mar e a diversidade de espécies é elevada, muito mais do que se julgava nas últimas décadas. Além de pinguins, o continente gelado dá abrigo a várias espécies de focas, elefantes marinhos, otárias e albatrozes, mas também ao maior animal que sobrevive apenas em terra é do tamanho de um alfinete: o piolho Cryptopygus antarcticus.









(Pinguins Gentoo em Bird Island| Gentoo penguins at Bird Island)


No Museu da Ciência, as crianças descobriram tudo sobre estes animais e também ver um vídeo sobre uma das minhas expedições. Nestes encontros as crianças tiveram a oportunidade de ver e tocar penas de pinguins, experimentar o equipamento usado nas expedições e ver os pequenos aparelhos utilizados para saber onde é que os pinguins e os albatrozes vão procurar alimentos.










(Pinguins Macaroni em Bird Island| Macaroni penguins at Bird Island)

Das seis expedições que fiz, três foram a bordo de um navio oceanográfico e outras três (incluindo a última, da qual regressou em finais de Novembro) centraram-se numa ilha da Antárctida, um trabalho que já se traduziu em várias publicações em jornais internacionais da especialidade. Os meus estudos têm como principal objectivo estudar a forma como os pinguins e os albatrozes estão a adaptar-se ao aquecimento global.

As crianças foram uma autêntica fonte de conhecimento e fiquei agradavelmente impressionado com aquilo que já sabem. Quando estou a falar com os mais pequenos, tento me divertir tanto como eles e adorei partilhar todas aquelas horas...

Então, o que fazem os pinguins no Natal? Estão super atarefados em se reproduzir...

7 comentários:

Fatima disse...

José Xavier felizmente os mais jovens parecem bem informados. Têm obrigação disso, porque têm meios disponíveis que os põe a par de tudo.

Assim cresçam e apliquem esses conhecimentos de forma correcta!

Um grande abraço

(Com este frio, a Antártida parece mais perto....)

Lygia Maria Couceiro Braga disse...

Olá José!

Vejo que a maratona já começou.
É bem verdade que as crianças nos conseguem surpreender. E quando é pelo conhecimento que já têm das coisas, tanto melhor.
Pena é que, tantas vezes percam essa magia pelo caminho. Mas, felizmente, há muitas crinças que guardam os seus conhecimentos e vão progredindo.
Bem que gostaria de saber se haverá palestras em Lisba.
Continuação de Bom trabalho!

Bjs,

Lygia

sabel disse...

Olá Xavier

Tenho pena de não ter continuado a conversa sobre o climate gate no museu de Coimbra!
Espero que as crianças tenham gostado das experiências todas que estavam preparadas. São as maiores entusiastas do Mundo!
O blogue está muito giro. A ideia do diário é bem interessante.
Bom ano e continuação de boas expedições!

オテモヤン disse...

オナニー
逆援助
SEX
フェラチオ
ソープ
逆援助
出張ホスト
手コキ
おっぱい
フェラチオ
中出し
セックス
デリヘル
包茎
逆援
性欲

Tiago Cação disse...

Olá José!
Como posso entrar em contacto consigo?
O meu email é Tcacao@gmail.com
Gostaria imenso de trocar uma palavras consigo, pode ser?
Um Abraço, Tiago Cação

Prof. Ana Cristina disse...

Olá Prof. José Xavier

Sou Professora e conhecemo-nos em Almodôvar. Estou a tentar mandar-lhe um mail para jxavier@ualg.pt mas não dá. Houve alterações no contacto?

Precisava mesmo de o contactar.
Um abraço "gelado"
Ana Cristina

ce disse...

O Celular Espião é um celular tão incrível e polêmico que foi proibido em alguns países da Europa e é novidade no Brasil.

O Celular Espião é um telefone celular comum, especialmente modificado para poder ser monitorado à distância, permitindo assim escutar as conversas telefônicas e ambientais de quem o utiliza.
www.celularespiaobrasil.com